BLOG  GARANHUNS ONLINE

Na Reta Da Notícia WWW.BLOGGARANHUNSONLINE.COM.BR

ouça a matéria aqui



Um protesto nesta quarta-feira (13) com a participação de cerca 400 produtores de leite dos estados de Pernambuco, Alagoas e Rio grande do Norte é contra as medidas do governo federal com relação à importação de leite em pó da União Europeia e Nova Zelândia.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Produtores de Leite de Pernambuco (Sinproleite-PE), Saulo Malta, o protesto é uma forma de defender os produtores de leite da região e a importação do leite em pó que teria sido liberada com muita facilidade pelo governo federal.

“Acreditamos que deva ter hoje cerca de 250 mil toneladas de leite em pó para entrar no Brasil que acarretarão em uma grande preocupação para nós, produtores de leite. Sem falar que esses leites são subsidiados e, aqui em Pernambuco, temos produtores vendendo leite a R$ 0,70, assim não podemos competir”, afirmou.

Na terça-feira (12), o Sinproleite esteve com representantes do governo estadual e apresentou seus pedidos, principalmente em relação ao Prodepe, que é o incentivo fiscal concedido pelo governo de Pernambuco.

“Fizemos uma denúncia, nós sabemos que uma indústria para se instalar em Pernambuco apresenta um projeto e nesse projeto apresentado pelas indústrias, todas elas, dizem que vão comprar leite ao produtor, que vão gerar emprego, mas o que está acontecendo é que as indústrias não estão comprando leite. Elas estão usando leite em pó, composto lácteo, soro e estão deixando de comprar o leite do produtor rural”, informou.

Exigências

Entre os pleitos apresentados para o governo estadual, está a instalação da câmara setorial do leite. “No próximo dia 21, vamos ter a primeira reunião em Garanhuns. O governo se propôs a fazer essa reunião, depois vamos fazer visitas em algumas fazendas para mostrar a realidade dos produtores de leite”. Finalizou o presidente do Sindicato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1