Mulher de 21 anos é presa por se passar por rapaz de 16 e abusar de mais de 50 adolescentes entre 14 e 15 anos


Gemma Watts se fazia passar por James Waton - Divulgação/ Polícia Metropolitana De Londre

Londres - Uma mulher de 21 anos foi presa por se passar por um adolescente de 16 anos para abusar sexualmente de adolescentes que conhecia através das redes sociais Instagram e Snapchat. As informações são do jornal britânico The Sun.

Gemma Watts, que estava desempregada e morava com a mãe, fazia-se passar por James Waton, de 16 anos, nas redes sociais. Escondia o cabelo dentro de um boné e viajava até às vítimas. Ela era tão convincente que chegava a conhecer os pais das moças. A polícia acredita que ela tenha feito mais de 50 vítimas em Londres, no Reino Unido.

Para conquistá-las, conversava pelas redes sociais, fazia elogios e pedia os números de celular. A partir daí entrava em contato pelo Whatsapp.

Gemma só foi apanhada após um médico ter recorrido à polícia por ter uma paciente que tinha um relacionamento sexual com um jovem mais velho. Só posteriormente se descobriu que esse jovem era afinal uma mulher de 21 anos.

Segundo o jornal britânico The Sun, a mulher continuou a perseguir e abusar de adolescentes mesmo após estar sob investigação policial que monitorizava os seus passos em Londres.


Por O Dia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

IFPE abre mais de 5 mil vagas em cursos técnicos, superiores e de qualificação profissional gratuitos, em Garanhuns e outras cidades de Pernambuco.

Programa de Bolsas de Estudos Universitário oferece vagas ao valor de 300,00 em Garanhuns.

Neoenergia abre processo seletivo para Jovem Aprendiz com vagas em Garanhuns e outras cidades de Pernambuco.