BLOG GARANHUNS ONLINE

http://3.bp.blogspot.com/-ovPE6JcG4fE/X-igV-aNM8I/AAAAAAAAGn0/3NzqsCPb7SAcp5NraHMi3b1pKzP2h068wCK4BGAYYCw/s560/UUUU.png

BLOG GARANHUNS ONLINE

6/recent/ticker-posts 1

Fundarpe e TV Pernambuco lançam filme sobre o Festival de Inverno de Garanhuns.

 

Diogo Fernandes/Secult-PE/Fundarpe


“30 anos do Festival de Inverno se Garanhuns: a vitória da cultura de Pernambuco” é um documentário com direção de Sidney Rocha e Cacá Teixeira. Filme será lançado neste sábado (11), durante a programação do Festival de Cinema de Triunfo

 
Um dos destaques da programação da 13ª edição do Festival de Cinema de Triunfo é o lançamento de um documentário sobre o maior festival de cultura e arte do Brasil. Neste sábado (10), às 18h30, o Theatro Cinema Guarany recebe o filme “30 anos do Festival de Inverno se Garanhuns: a vitória da cultura de Pernambuco”, produzido pela Secretaria Estadual de Cultura (Secult-PE) e Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), em parceria com a TV Pernambuco, com direção de Sidney Rocha e Cacá Teixeira. A entrada é gratuita e a classificação é livre.

O documentário de 52 minutos mostra detalhes da edição deste ano do Festival de Inverno de Garanhuns, que celebrou seus trinta anos de história, e reúne depoimentos de pessoas que ajudam a fazer do FIG um dos maiores eventos do país, além de performances de artistas populares nas diversas linguagens artísticas. Reconhecido pela qualidade de sua programação, o festival é mostrado a partir de seu alcance social, do compromisso com a cultura popular e a diversidade.

Passam pelo filme depoimentos como de Ivo Amaral, ex-prefeito e fundador do festival que faleceu este ano, passando pela população da cidade, artistas, produtores, técnicos, fazedores de cultura popular e servidores da Secult-PE e Fundarpe. Todos, sem exceção, dividiram o roteiro com Cacá Teixeira e Sidney Rocha. Participam do filme artistas como Jorge Du Peixe, Alexandre Revorêdo, Alessandra Leão, Geraldo Azevedo, Martins, Lenine, além de outros gestores como Sivaldo Albino (prefeito de Garanhuns) e Oscar Barreto (secretário de Cultura de Pernambuco).

A 30ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns teve como marca a volta de um sentimento de prazer único que só a apreciação da arte e a experiência cultural proporcionam. Depois de dois anos de pandemia e de paralisação de todas as atividades, sobretudo as que proporcionam aglomeração (como é a característica intrínseca dos eventos), a tradução do êxito do FIG 2022 está definitivamente no que ele proporcionou aos seus milhares de apreciadores: o prazer de rever seus artistas preferidos, mas também todas as possibilidades de se abrir ao desconhecido: artistas, estéticas, tendências, pensamentos.

"O Festival de Inverno de Garanhuns é o maior evento de cultura e arte do Brasil. Em 2022 comemoramos em grande estilo a 30ª edição, com a maior programação da história, em 17 dias, contemplando praticamente todas as linguagens culturais, com impacto positivo em diversos segmentos econômicos, além dos aspectos culturais e artísticos. Tenho certeza do sucesso do documentário sobre o FIG 30 anos, pela capacidade e dedicação dos profissionais envolvidos e pelo carinho pelo qual o nosso Festival de Inverno de Garanhuns foi tratado pelo governador Paulo Câmara”, destaca Oscar Barreto, secretário Estadual de Cultura.

“As decisões estéticas do filme coincidem com as decisões técnicas. Elas privilegiam o roteiro e possuem uma narrativa paralela. Mágica quase, feita por artistas populares, representantes de coletivos de arte popular. Essa participação quebra a ideia de um documentário de depoimentos e coloca esse conteúdo noutra estante, como um produto de linguagem, de avanço, de invenção, que comove o público pela beleza e pelas sensações”, detalha o diretor Sidney Rocha.

“Pela força do festival, era necessário contar esta história. Com a parceria direta da Prefeitura de Garanhuns com o Governo de Pernambuco, por meio da Secult-PE e Fundarpe, além de outras instituições como a Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) e TV Pernambuco, estamos investindo para que o FIG possa ter sua história contada e eternizada. Já este ano tivemos o lançamento do livro dos 30 anos do Festival, e agora contamos com um documentário que traz depoimentos históricos, a exemplo de Ivo Amaral, prefeito que realizou a primeira edição do FIG, e que faleceu há poucos dias”, celebra Sivaldo Albino, prefeito de Garanhuns.

Além de gerar durante 17 dias uma transmissão ao vivo para um pool de TV, portais, a TV Pernambuco foi desafiada a registrar a história de um dos maiores festivais de cultura do Brasil. E contar essa história a partir das pessoas que construíram o FIG foi uma experiência enriquecedora.

"O documentário dos 30 anos do FIG é fruto de uma semente plantada dois anos atrás, quando estruturamos a TV Pernambuco para produzir conteúdo jornalístico, de entretenimento, cultural e educativo. E dentro deste projeto de reestruturação investimos também na produção de conteúdo audiovisual para o próprio poder público. Neste caso, a Secult-PE foi parceira e incentivadora de primeira hora. O 30º FIG, no entanto, foi o maior de todos os projetos desta parceria exitosa”, opina Ivan Júnior, presidente da TV Pernambuco.

Recentemente Garanhuns recebeu do Governo de Pernambuco a doação do prédio do antigo Fórum, onde será instalado o Museu do FIG. Um equipamento que certamente fará com que o apelo turístico/cultural do grande evento não se resuma ao mês de julho, sendo um atrativo permanente a somar na cidade.

Postar um comentário

0 Comentários